1

Pequenas, mas com vontades próprias, os pais precisam disciplinar as crianças  para conhecerem os limites e valores importantes, principalmente a obediência e respeito. Separamos 5 dicas muito úteis citadas pela psicóloga de desenvolvimento e consultoria da revista norte-americana Parents, Linda Acredolo, PhD. Confira:

1. A abordagem amigável da disciplina 

Quando perguntamos se o filho deseja tomar banho, por exemplo, ele pensa que tem a oportunidade de dizer sim ou NÃO. Mesmo que seja uma pergunta educada, você termina chateada (o) porque ele disse: não.

2. Não se prepare para uma luta

Os pequenos e os maiores também estão constantemente buscando formas de terem o controle em mãos, por isso, é importante que esteja atento para que não seja surpreendido ao dar o poder de veto à criança, pois ela com certeza, irá usá-lo.  Assim, é importante ter cuidado com frases como: “depois de ir ao supermercado, podemos parar no playground”. Você pode dar-lhe uma escolha sobre como ou quando isso pode ser feito, mas não se isso deve ser feito.

2

3. Cuidado com o tom de voz

Alan E. Kazdin, PhD, professor de psicologia e psiquiatria infantil da Universidade de Yale, afirma que “pesquisas mostram que as crianças ficam muito mais adeptas à cooperação quando os pais usam um tom de voz tranquilo”. Quando precisa dar instruções, é importante que dê, de forma muito clara mostrando o que espera que ele faça. Seria melhor dizer: “por favor, vá para a sala e tire todos os lápis que estão em cima da mesa”, ao invés de dizer: “não te pedi para pegar todos os lápis? “. Perguntas retóricas são ótimas.  E finalize sempre agradecendo, reconhecendo os esforços dele.

Na sexta-feira, você poderá conferir mais dicas em nosso Blog. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *